Ouvir o Dia...

domingo, 5 de abril de 2009

Na dose certa

A pimenta, como de resto tudo na vida, quando é de mais estraga. Mas, como tudo, na dose certa, dá sabor e pode até estimular os sentidos. Assim são as coisas que dão sabor à vida. Assim são, também, os problemas...
A Vida cozinha-se com todos os ingredientes. Por vezes, é-nos servido um prato agridoce, nem sempre fácil de ingerir ou digerir. Ainda assim, há que aproveitar, saboreando talvez de olhos fechados, degustando e identificando o que utilizaremos em nosso proveito, como forma de alimento.

8 comentários:

Lídia disse...

... nunca uso sal. Sou a favor das especiarias :) de vez em quando a vida lá me dá um amargo de boca. Logo a seguir pego na caixa das especiarias e dou a volta... como posso!

O Profeta disse...

Algures o sonho ganha forma
Gerado na fé de uma criança
Algures a maré deixa a descoberto
Uma estrela-do-mar que ela alcança

Terras, mares, o voo de uma gaivota
O aroma suave de camélia singela
Uma folha de incenso solta do ramo
Um espelho que te outorga a mais bela

Boa Páscoa


Mágico beijo

Carlos Barros disse...

Gosto de pimenta... e adoro a árvore, é linda quando está toda vermelhinha.

beijo

Vida Hi-fi disse...

Lidia: Caixa das especiarias? Ora aí está uma bela receita para uma vida especial!

Vida Hi-fi disse...

Profeta: Boa Páscoa, na Essência
;-)

Vida Hi-fi disse...

Carlos:... perdoa-me a ignorância, mas isso não é só a da pimenta rosa???

frAgMenTUS disse...

gosto da tua abordagem prática a vida - as margaridas e o seu quê de pragmático! :)

a culinária é uma arte, tal como o amar...é por isso q em amabas o verbo "comer" é comum!hehe (sem ordinarice, mas é um facto)

bj

Vida Hi-fi disse...

Fragmentus: é, as emoções não são incompativeis com o pragmatismo. Bjs